Mãe Carmen de Oxum e Pai Karlito de Oxumarê são impedidos de embarcar em voo da Gol

Ontem (05/02) a redação do Blog Umbanda EAD recebeu a notícia que neste sábado (04/02) dois sacerdotes de Candomblé foram vítimas de intolerância religiosa por parte de funcionários da companhia aérea Gol e seguranças e policiais federais do aeroporto de Congonhas, São Paulo.

Segundo informações do advogado e ex-secretário da Justiça do Estado de São Paulo Dr. Hédio Silva Jr. ao tentar embarcar e despachar malas em voo da segunda maior companhia aérea do país, Mãe Carmen de Oxum, Pai Karlito de Oxumarê e mais dois filhos de santo do Ilê Olá Omí Ase Opô Araká sofreram constrangimentos e ameaças que tinham como objeto de injúria a religião das vítimas.

Junto dos constrangimentos os sacerdotes também foram obrigados a se desfazer de símbolos de culto, tendo que jogar no lixo peças de Odum (objetos dos orixás e/ou jogo de búzios) que portavam com o finalidade de realizar atos litúrgicos.

Dr. Hédio Silva Jr. assumiu a defesa do caso e se pôs à disposição para tomar todas as medidas judiciais que o caso requer, a redação do Blog Umbanda EAD busca ainda pela apuração dos fatos.

Atualização do caso dia 08/02

Em resposta à nossa redação, a GOL Linhas Aéreas Inteligentes, afirma que não tolera discriminação ou manifestação preconceituosa e explica o que teria acontecido na ocasião. Veja abaixo:

 

email_gol

No dia seguinte da veiculação do fato em nosso meio, a companhia também fez uma publicação em sua página oficial onde buscava com uma frase da atriz Juliana Alves discursar sobre o combate ao racismo. Veja abaixo:

 

postagem_gol

Pai Karlito de Oxumarê informou à nossa redação que ele e Mãe Carmen estão em função de obrigação religiosa, ao qual era o objetivo da viagem e que assim que possível e o mais rápido possível nos enviará o relato de como as injúrias se deram.
Junto disso Dr. Hedio Silva Jr. também nos confirmou nesta manhã o número do voo (dentre outras informações da passagem) e ainda nos informou sobre o esclarecimento da companhia via facebook . Veja abaixo:
gol_
Atualização do caso dia 13/02

“Nesse intervalo, uma das moças comentou com a outra dizendo que aquela pedra era usada para bater no pescoço da galinha para mata-la.”

Pai Karlito de Oxumarê

Ouça audio de entrevista cedida por Pai Karlito de Oxumarê com sua versão dos fatos

BLOG_LOGO_00000

Cursos com inscrições abertas pelo
www.umbandaead.com.br
e-mail:
[email protected]
[email protected]
Tel (14) 3010-7777
obs: os links desse texto estão sujeitos a alteração em razão da disponibilidade do curso e/ou produto
Pedimos para que os irmãos que desejem compartillhar os textos desse blog creditem a fonte lincando para o nosso endereço

Júlia Pereira

Acredito no poder da sabedoria ancestral da contação de histórias, como forma de cura, acolhimento e força. • Jornalista • Estrategista e Copywriter • Pós-graduada em Marketing, Branding e Growth • Estudante da EAD Ubuntu.

Assine
nossa news

Ao se inscrever, você concorda que a Umbanda EAD poderá te enviar emails. Você pode se descadastrar a qualquer momento. Política de Privacidade