Oferenda para Ogum

Ogum

O dia 23 de abril é dedicado a saudar o Orixá da agricultura, tecnologia e coragem: Ogum.

Mas, as datas de celebração aos Orixás não seguem um calendário fixo adotado por todos os terreiros no Brasil. A maioria dessas datas é estabelecida com base no sincretismo religioso com os santos da Igreja Católica.

Geralmente, o critério para associar os Orixás aos santos católicos envolve a análise de símbolos, cores, elementos, histórias, mitos e signos que se apresentam em ambas as tradições.

Isso não implica que as divindades sejam idênticas, mas sim que compartilham semelhanças em seus mistérios.

Para nos conectar com o axé do Orixá Guerreiro, Pai Rodrigo nos ensina a preparar uma oferenda no ponto de força desse Orixá.

Confira os elementos necessários:

  • 1 Vela palito azul royal;
  • 1 Vela palito vermelha;
  • 1 Vela palito bicolor vermelha e branca;
  • 2 Espadas vegetais de São Jorge (traz força e proteção);
  • 1 Lata de cerveja clara (elemento etílico da força de Ogum, dinamiza o que esta sendo pedido e os elementos que estão sendo utilizados);
  • 1 Charuto (para trazer Axé, positividade e limpar sua jornada);
  • Incenso (da sua preferência);
  • Azeite de dendê (para brandar os problemas e acalmar os caminhos)
Ogum

Veja o passo a passo da Oferenda de Ogum:

Para realizar a oferenda de forma adequada, siga estas etapas cuidadosamente:

ogum
  1. Vá até o campo santo de Ogum: os trilhos do trem;
  2. Acenda e bafore o charuto sobre o local que você fará a sua oferenda;
  3. Despeje uma parte da cerveja e o azeite de dendê no chão;
  4. Posicione as duas espadas de São Jorge (formando um X) em cima dos líquidos;
  5. Acenda o incenso;
  6. Acenda e firme as 3 velas ao redor das espadas formando um triângulo;
  7. Para fechar o espaço mágico, faça 7 círculos em volta dos elementos com cerveja e dendê;
  8. Coloque dendê em cima das espadas de São Jorge;
  9. Bafore o charuto sobre todos os elementos;
  10. Tire um tempo para se conectar com Pai Ogum: cante pontos e diga em voz alta os seus pedidos e agradecimentos.

Lembrete Importante: Todo o lixo é recolhido do ponto de força. A melhor oferenda aos Orixás é o cuidado com a natureza!

É importante falar em voz alta seus pedidos, saudações e agradecimento, pois o que é dito gera uma ancoragem emocional no seu cérebro e emite uma vibração mágica.

Isso reverbera em você e no seu espírito, fortalecendo suas intuições e tomadas de decisões.

Confira a explicação completa com Pai Rodrigo:

Rodrigo Queiroz

Filósofo, sacerdote de Umbanda, pesquisador da cultura afro-brasileira, fundador da plataforma Umbanda EAD e diretor da Instituição Ubuntu.

Copidesque: Matheus Gobbi

Assine
nossa news

Ao se inscrever, você concorda que a Umbanda EAD poderá te enviar emails. Você pode se descadastrar a qualquer momento. Política de Privacidade