gravida incorporando
Grávida, incorporando e dando passe. Pode?
20 de setembro de 2017
16 diferenças entre Umbanda e Candomblé que você ainda não sabia
22 de setembro de 2017
Exibir tudo

Por que fumar atrapalha minha mediunidade?

tabagismo_umbanda_medium

O Brasil é o oitavo país com mais fumantes no mundo (7,1 milhões de mulheres e 11,1 milhões de homens), nessa realidade há tabagistas das mais variadas idades, credos e situação social.

Uma parcela dessa população é Umbandista e não obstante, alguns deles são médiuns de terreiro.

Com isso é notado que algumas casas restringem o trabalho mediúnico de fumantes e então fica algumas dúvidas sobre qual o fundamento dessa decisão.

De início já deixamos claro que: fumar não traz obsessor e tanto o fumante quanto o não fumante podem trabalhar com o mesmo nível de honestidade e verdade mediúnica.

ESTUDE >> MEDIUNIDADE NA UMBANDA <<
UMBANDAEAD.COM.BR

Mas fora a questão de que o fumo é prejudicial a estrutura física do médium, existe um outro ponto que precisamos levar em consideração, que é o fato de que o uso diário dessas toxinas também afetam os nossos chakras.

Para ilustrar isso durante o estudo em Mediunidade de Umbanda Pai Rodrigo Queiroz usa o termo “petrificação dos chakras” para dizer sobre a forma como esses dispositivos são atingidos, sendo os mais prejudicados os chakras cardíaco e laríngeo.

ESTUDE >> MEDIUNIDADE NA UMBANDA <<
UMBANDAEAD.COM.BR

No momento que essas estruturas adoecem, o corpo físico também pode apresentar indícios dessas enfermidades, doenças como enfisema, aneurismas, úlceras, hipertensão dentre outras que têm o risco consideravelmente aumentado pelo cigarro, são um indicativo de que os chakras já foram afetados.

Por isso na questão espiritual, o vício faz com que o médium trabalhe com os chakras em uma funcionalidade prejudicada, portanto, ele não atinge o máximo de potência que poderia atingir caso não fizesse esse uso.

A sua conexão frontal e cardíaca é sempre mais prejudicada, vou fazer um trocadilho, é como se tivesse sempre uma fumaça na frente do chakra que impede a fluência das conexões magnéticas, os cordões e os fluidos não flui como deveriam.

Pai Rodrigo Queiroz em Mediunidade na Umbanda

Na prática a dificuldade em incorporar e a perda de concentração são algumas das coisas que também podem afetar com mais incidência o médium fumante.

ESTUDE >> MEDIUNIDADE NA UMBANDA <<
UMBANDAEAD.COM.BR

Impedir o trabalho na corrente de médiuns fumantes não é a melhor forma de se tratar essa questão, tampouco de resolve-la, para isso Pai Rodrigo se posiciona “o melhor caminho é o do esclarecimento e respeitar que cada um tem o seu tempo. Fraqueza e limitações todos nós temos e não é porque eu não fumo que sou melhor que ninguém, não é porque você fuma que você é pior que alguém.”

Por isso, fumar atrapalha a mediunidade no que tange o nível de aproveitamento que você poderia ter na experiência do transe, mas que não tem nada a ver com valores morais, com a ideia de pecado e nem com a concepção que essa prática viabilize obsessões.

Cuidar do seu corpo físico é uma das premissas da religião de Umbanda. Nosso corpo espiritual, mental e emocional não são independentes entre si e coabitam o corpo físico, integrando assim a estrutura do ser, por isso é imprescindível o zelo com todas essas estruturas.

ESTUDE >> MEDIUNIDADE NA UMBANDA <<
UMBANDAEAD.COM.BR

Já a situação do uso de tabaco pelos guias é uma outra questão, entendo-o como algo sagrado o trabalho legítimo com a manipulação de tabaco não assume que o médium trague a fumaça, e isso é assunto para um próximo post!

 


 

Esse conteúdo faz parte da décima semana do estudo Mediunidade de Umbanda, acesse o link abaixo para se inscrever nas últimas vagas da turma

ESTUDE >> MEDIUNIDADE NA UMBANDA <<
UMBANDAEAD.COM.BR

 

Texto: 

Júlia Pereira

Imagem:

Pixabay

Cursos com inscrições abertas pelo
umbandaead.com.br
e-mail:
[email protected]
[email protected]
Tel (14) 3010-7777
obs: os links desse texto estão sujeitos a alteração em razão da disponibilidade do curso e/ou produto
Pedimos para que os irmãos que desejem compartillhar os textos desse blog creditem a fonte lincando para o nosso endereço.
Informação da fonte!

3 Comentários

  1. FC disse:

    Eu gostaria de saber:
    Essas informações são baseadas em suposições?
    Existem métodos comprovados dessa teoria?

    Acredito que uma visão deve ter uma argumentação sóllida, pois nada nesse texto justifica tal afirmação, a não ser a visão pessoal de quem falou.

    Só para deixar claro, não sou fumante, só gostaria de saber de onde procede tal informação

    • Umbanda EAD disse:

      Olá Felipe, saravá!
      Não se trata de opinião e tampouco suposição.
      Existem muitas literaturas sobre a fisiologia etérea, tais como Fisiologia da Alma de Ramatís/Hercílio Maes, bem como Mãos de Luz de Bárbara Ann Breman, bem como uma vasta bibliografia sobre o assunto.
      Somado a isso, tem minha experiência mediúnica e Sacerdotal de mais de 20 anos conduzindo o desenvolvimento mediúnico e lidando com várias experimentações neste particular.

      Mais importante que tentar invalidar as afirmações, seria trazer a prova do contrário, o que acha?

      Grande abraço,

      Rodrigo Queiroz

  2. FC disse:

    Eu busquei um questionamento e uma resposta. Em nenhum momento “invalidei” sua visão.
    Porém, como você mesmo pode observar no texto, não existe qualquer fonte citada, nem mesmo de sua vasta experiencia mediúnica e experimentações para justificar o exposto.
    Mesmo pensando em minha opinião pessoal que o questionamento abre campo ao conhecimento, como agora em sua resposta que cita livros que eu posso ler e adquirir mais experiência, eu não pretendo trazer provas contrárias, apenas busco o saber.
    Obrigado pela resposta e espero que não tenha lhe deixado incomodado por perguntar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ei!🖐🏽
Continue em contato  
Receba com exclusividade infos sobre Umbanda
close-link