A ORIGEM DA VIDA PARA O UMBANDISTA

Magnetismo dos Orixás

Magnetismo em seu sentido semântico refere-se ao poder atrativo do ferro magnético ou imãs e a capacidade destes de se orientarem para a direção norte-sul.

No dicionário a palavra também está relacionada a influência que um indivíduo exerce sobre o outro, ou, em seu sentido figurado, como o fascínio e encantamento por algo ou alguém.

Bom, mas o que isso tem a ver com Umbanda? e mais como isso explica a influência dos orixás em nossas vidas? ou até origem dos seres?

Quando os Mestres de Luz por meio de Pai Rubens Saraceni abrem o conhecimento da Gênese Divina de Umbanda para o nosso plano, um dos assuntos que se destinam a tratar as obras são as irradiações divinas e as correntes eletromagnéticas que segundo esses estudos são a base de toda a criação de Deus – seres animados (vida) e substâncias e/ou elementos inanimados (matéria).

Quando em nosso idioma definimos o magnetismo como algo de poder atrativo, pode ser que isso não desperte tanto o nosso interesse e tampouco lembremos dos Orixás ou da Umbanda.

Mas quando esse termo aparece classificado como a herança genética de nossa existência e de tudo o que nos cerca, ou seja, a origem de tudo que existe em todos os universos, o assunto que nos faz lembrar das aulas de física, começa a ser – no mínimo – um tanto curioso.

Um ser será o que herdar de seus pais, assim como um planeta será o que gerar de seu magnetismo, e só conseguirá conter de dentro de seu centro gravitacional o que conseguir absorver e gerar.

Pai Rubens Saraceni

O magnetismo na obra de Pai Rubens Saraceni aparece como o que nos define como seres únicos e sendo assim, é também o que difere a natureza das coisas, sua forma, qualidade, reino à que pertence, gênero, características dentre outras inúmeros atributos que formam os seres e os elementos.

Ao nosso planeta delegamos o magnetismo terrestre que é o responsável por unir em seus pólos de atração as energias e essências que cada peça da criação carrega, seja ela de origem vegetal, animal, mineral e etc.

Pai Rubens Saraceni exemplifica essa função no livro Gênese Divina dos Tronos de Deus dizendo que outros planetas por exemplo, não possuem vegetais porque seus magnetismos não absorvem a energia ou essência vegetal que flui naturalmente por todo o nosso universo e também nos universos paralelos.

Ele explica que isso acontece porque essas essências só poderão se tornar um elemento vegetal de fato se o magnetismo daquele planeta absorve-las, combina-las e em seguida irradia-las em forma de energia elementar que servirá de sustentação para a herança genética daquela determinada planta e proverá seu crescimento, multiplicando-se em suas células.

Energia Elementar e a Teoria das Supercordas

Quando falamos que o início do texto rememorava as aulas de física não é à toa. O conhecimento transmitido pelo Senhor Ogum Megê Sete Espadas da Lei e da Vida traz à nós a fundamentação da Gênese Umbandista que é a nossa explicação sobre a origem de todas as coisas. E essa forma de entender o universo, os universos, dimensões e tudo o que existe por entre as realidades encontra relação nas pesquisas desenvolvidas pela ciência moderna.

Como introduzimos ao decorrer do texto as irradiações de Deus são emanadas por ele constantemente e assim são atraídas para dentro das ondas fatorais que tem como propósito transforma-las em, claro,  fatores que entendemos por qualidade e/ou natureza das coisas. Esses fatores serão distribuídos por entre os pólos de atração (magnetismo). De um conjunto de ondas fatorais surge uma onda magnética essencial, que quando se fundem formam as ondas eletromagnéticas.

Quando esse micro estado da criação denominado de ondas eletromagnéticas enfim se atraem temos então a onda energética elementar, que como dito, dá origem a nossa herança genética e a tudo o que existe. Em um próximo texto falaremos mais sobre cada uma dessas ondas, hoje nosso objetivo é nos refinarmos em torno da origem das coisas por meio da visão de mundo Umbandista.

Dentro disso, encontramos no cenário científico a partir do século XX e mais precisamente por meio de Stephen Hawking A Teoria das Supercordas que mesmo ainda não conclusiva propõe que as mínimas partículas encontradas nas camadas subatômicas (estados fundamentais/primeiros da matéria e energia) são compostas por supercordas.

As supercordas para o físico são os fios energéticos (não necessariamente um um tipo de energia, elétrica ou nuclear) que vibram em infinitas frequências originando diferentes partículas.

Para essa teoria, as supercordas determinam a natureza dos núcleos atômicos e definem como as partículas irão atuar de acordo com a energia vibracional desses fios energéticos – supercordas.

Desta forma considera-se que para cada partícula subatômica do universo, existe um padrão de vibração particular das cordas que em uma analogia com os estudos de Pai Rubens Saraceni entendemos como a onda energética elementar, sendo que ambos tratam da origem da vida e de tudo o que nos permeia.

No planeta Terra o magnetismo que agrega, funde e irradia essas ondas e que são parte da criação dos seres, se dividem em 7 tipos. Pai Rubens Saraceni explica que cada um deles corresponde a um Trono ao qual chamamos de Orixás ancestrais.

Quando dizemos que somos regidos, abençoados ou imantados pelos Orixás podemos entender que é pelo magnetismo desses tronos que nossas vibrações mentais, nossos sentimentos, nossas intenções, ideias e toda a energia que depositamos em função de algo, são acolhidas, absorvidas, condensadas, transformadas e irradiadas de volta à nós.

Em um próximo artigo o Blog se preocupará em falar sobre o início da vida nesse ponto do universo ao qual vivemos hoje e que Pai Rubens coloca em sua obra como o “caos” energético que foi ordenado pelo poderoso magnetismo planetário.
Saravá leitores!
Para quem se interessou indicamos também a leitura dos textos:

Tudo que você precisa saber sobre os orixás Cósmicos e Universais

O que são irradiações divinas?

 O QUE SIGNIFICA SER FILHO DE UM ORIXÁ?

Vela pra que te quero? entenda o sentido das velas na Umbanda

Ponto Riscado, a Magia dos Símbolos de Umbanda


Fontes de Pesquisa: 

Gênese Divina de Umbanda Sagrada, Ed. Madras, Rubens Saraceni.

InfoEscola

Wikipédia

Imagem: Pixabay

BLOG_LOGO_00000

Cursos com inscrições abertas pelo
http://www.umbandaead.com.br
e-mail:
contato@umbandaead.com.br
blog@umbandaead.com.br
Tel (14) 3010-7777
obs: os links desse texto estão sujeitos a alteração em razão da disponibilidade do curso e/ou produto
Pedimos para que os irmãos que desejem compartillhar os textos desse blog creditem a fonte lincando para o nosso endereço

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s